Diário: VIII Fala Outra Escola

Oi! Na última semana de julho aconteceu o VIII Fala Outra Escola, evento da Faculdade de Educação da Unicamp. Fui na edição passada, em 2015 (é bianual) e gostei muito, então quis voltar – e dessa vez apresentar um trabalho! No ano anterior apresentei meu blog na mostra de trabalhos pedagógicos, dessa vez escrevi um texto mesmo. As fotos que ilustram este post são da mostra, mais uma vez cheia de trabalhos lindíssimos!

fala1

Embora ainda fosse julho, as aulas da escola de música já tinham voltado, então não consegui participar tanto quanto gostaria :( mas aproveitei bastante cada momento. Este evento prioriza a comunicação e a troca ao invés da simples transmissão de conhecimentos, por isso tem sessões de diálogos e rodas de conversa ao invés das mesas e apresentações tradicionais dos congressos. Fiz uma oficina maravilhosa com Genifer Gerhardt, sobre a importância das coisas pequeninas e de olhar para as pessoas, e participei das rodas de conversa sobre a ocupação africanidades no Parque Oziel, que teve a participação de crianças das escolas municipais. Foi muito emocionante!

fala2

Quanto ao meu trabalho, lembro de no ano anterior olhar a lista de trabalhos e reparar que, embora o tema da inclusão estivesse (felizmente sempre está) em alta, não havia nenhum trabalho sobre gênero. Pensei então que gostaria de escrever algo para o próximo e foi isso que fiz! Assim como no Encontro de Educação Musical, também escrevi com o Leo. Nosso tema desta vez foi mais amplo: Educação musical, gênero e sexualidade: diálogos possíveis e experiências em sala de aula. Logo mais posto o texto completo aqui.

fala3

Infelizmente teve um problema técnico com o site usado pelo evento (Galoá) e nosso trabalho não apareceu na lista de comunicações, então muitas pessoas que poderiam ter vontade de nos ouvir nem souberam da existência do trabalho :(( Fomos encaixados em uma sala com pouquinhas pessoas, mas uma das professoras organizadoras do encontro foi nos ouvir e depois compartilhou sua experiência dando aula e contando para alunes sobre o casamento com sua esposa. Isso com certeza valeu muito a pena e deixou meu coração quentinho!! ♥

Foi muito bom e espero ansiosamente pela próxima edição do Fala; tenho um carinho muito grande por esse evento. E pela querida professora Liana, que o organiza com tanto empenho! ♥

Até a próxima!

fala4


Em memória de Mayara Amaral

O post de hoje é doloroso. 2017 começou com um feminicídio em Campinas, logo na virada do ano. Mais mulheres são assassinadas a cada dia. Saiu uma estatística com os estados onde mais mulheres são mortas e os números assustam, machucam. Enquanto grupos conservadores tentam impedir o debate de gênero e menosprezam o feminismo, continuamos morrendo. Poderia ser sua mãe, sua irmã, sua amiga, poderia ser eu, poderia ser qualquer uma de nós. Dessa vez foi Mayara Amaral.

mayara

Violonista e professora, com uma dissertação de mestrado pela UFG que fala sobre mulheres compositoras para violão. Uma jovem musicista que ainda tinha tanta vida pela frente e tanto a realizar, que eu não conheci mas várias amigas minhas conheceram. O que aconteceu com ela é uma história de horror. O tratamento dado pela mídia e pela polícia ao caso é um segundo horror – estão tratando como se tivesse sido uma tentativa de roubo. Até quando vão tentar minimizar os feminicídios? A matéria da Claudia fala bem sobre isso e traz o texto-desabafo da irmã de Mayara.

Este post é para expressar minha tristeza por ter perdido uma colega e companheira. E para prestar uma homenagem queria deixar aqui um vídeo de Mayara para ouvirmos sua música.


https://youtu.be/P1ZTf6JZf-A


Semana intensiva de estudos

Oi! Este post é sobre a minha semana de férias. Este ano consegui uma semana de férias em julho, com todas as escolas (eu dou aula em cinco) de férias e sem dar aula particular. (uhu!)

estudandonoifrj

Continue reading


Bora voltar com o blog?

Oi, pessoal! Tudo bem? O blog passou pelo maior hiato da sua história porque no primeiro semestre basicamente minha vida foi um desastre e eu mal estava dando conta de viver. Problemas de saúde, problemas emocionais, problemas financeiros, precisei fazer uma mudança enquanto dava quase 30 aulas por semana, enfim, a casa caiu mas estou reconstruindo. E sinto muita falta de escrever, então vou retomar o blog. Vocês podem ajudar sugerindo temas para posts :) O que vocês querem ler aqui?

Hoje foi só uma passadinha rápida pra tirar a poeira e as teias de aranha. Aguardem mais posts ao longo da semana! (espero) No mais, fiquem com uma foto dos meus bebês.

15802062_1402387553114209_1637523957399683072_n


Livros lidos em 2016

Nós estamos praticamente em março e eu ainda não postei a lista de livros que li em 2016. Hora de aproveitar o feriadão pra fazer isso. (e ainda preciso terminar começar dois artigos para o EEMU)

tcc1

Eu costumava postar os livros lidos mensalmente, mas a greve do ano passado acabou atrapalhando esse cronograma porque eu fiquei sem tempo. Então vou postar as fotos só dos meses que postei aqui, porque se for tentar juntar os livros dos meses que faltaram pra tirar foto não vou postar nunca.

Continue reading


Então eu realmente me formei – colação de grau

Oiê! Agora é real: eu sou mesmo uma ex-aluna da Unicamp! (porque eu tava com uma paranoia de que ia chegar na colação de grau e descobrir que foi tudo um engano e eu não tinha me formado hahahahhaah)

colacao-instagram
09/02/2012 – 15/02/2017

Continue reading


13º Feverestival em Campinas

Começa dentro de poucos dias o 13º Feverestival em Campinas, que vai dos dias 12 a 24 de fevereiro, totalizando 13 dias de festival. (como é possível que seja a décima terceira edição e só este ano fiquei sabendo?!) São duas semanas de muitas atrações culturais como apresentações musicais, peças teatrais, poesia, oficinas. Algumas são gratuitas e outras pagas, confira se as que te interessam precisam de retirada de ingresso ou não.

feverestival

As atrações são divididas em espetáculos adultos, espetáculos infantis, espetáculos de rua e circuito Barão, oficinas e eventos especiais. Chama a atenção o Circuito Barão (Geraldo), que é bem legal por dar destaque ao distrito da Unicamp como pólo artístico da cidade. (inclusive tem vários nomes conhecidos da Unicamp, sensacional) Também é muito bacana ter atividades para as crianças!

Infelizmente ele pega dois finais de semana em que não estarei em Campinas, mas tentarei na medida do possível prestigiar durante a semana. Espero que vocês também aproveitem! :]

Confira aqui a programação completa.
Página do Feverestival no facebook.


Concerto-protesto da Banda Sinfônica de SP

Oi! Escrevi no último post sobre a extinção da Banda Sinfônica de São Paulo, assim como os cortes que o governo estadual fará na Jazz Sinfônica e na Orquestra do Theatro São Pedro. No último domingo, dia 06/02, aconteceu um concerto-protesto da Banda Sinfônica no MASP e, como coincidiu de eu estar em São Paulo, tive a felicidade de estar presente.

bandasinfonica1

Continue reading