E o vestibular se aproxima

Olá, pessoal.

Então. Vocês podem notar que o blog anda totalmente abandonado um pouco parado. É que o vestibular já está batendo na porta e eu estou em profundo desespero estudando bastante. Não tenho tido cabeça pra postar. Mas vou escrever um pouquinho sobre isso aqui.


Keitarô Urashima, porque não consigo pensar em vestibular sem pensar em Love Hina

Pra quem ainda não sabe, oi, eu sou a Patty K, tenho 22 anos e acabo de largar a faculdade de ciência da computação pra prestar licenciatura em música. Minha vontade inicial era prestar bacharelado em instrumento (piano), mas o problema é o seguinte: as músicas exigidas na prova de aptidão são muito difíceis. Elas são pra quem toca há uns 9, 10 anos (seguindo o programa dos conservatórios). E eu comecei a estudar com 17 anos. Quando falei pro meu professor de piano que não aguentava mais fazer um curso que não queria, ele sugeriu que eu prestasse licenciatura.

Então, a princípio, eu resolvi prestar licenciatura apenas porque não seria capaz de passar em bacharelado. Mas eu comecei a ler a bibliografia exigida pra prova e minha visão mudou muito. Estou tendo várias ideias e gostando dessa perspectiva. Acho que eu posso fazer um trabalho muito legal como professora. Mas isso é assunto para outro post.

O tema aqui é o vestibular. Estou prestando três universidades: Unicamp, USP e Unesp, sendo que a USP vale por duas porque minha segunda opção é o curso de licenciatura em música no campus de Ribeirão Preto. E jamais cansarei de agradecer à Zuzza por ter pago minha inscrição na Unesp. ❤ Falta precisamente um mês para minha primeira prova. A prova de aptidão da USP, que é antes até mesmo da primeira fase do vestibular.

O mais difícil no vestibular de música é a prova de aptidão. Ela constitui-se de uma prova teórica e uma prova prática. Na prova teórica, caem questões como ditado melódico e rítmico, ditado de acordes, trechos musicais para você caracterizar de acordo com período, compositor, instrumentos e forma musical, transposição, análise harmônica, modos gregos, história da música… Na prova prática de licenciatura, você deve tocar uma peça em um instrumento de sua escolha, executar solfejos, cantar uma melodia (a prova da Unesp é mais específica e pede pra cantar o Hino Nacional ou o Hino da Independência, em uma tonalidade estabelecida por eles) e passar por uma entrevista para avaliar seu “entendimento” do curso e seus planos. Tipo, ver se você não é uma pessoa perdida que resolveu prestar música por diversão.

E tem os livros recomendados. A bibliografia da USP, só pra parte de licenciatura (história da música, teoria etc têm outros livros)

  • Parâmetros Curriculares Nacionais: Arte – MEC
  • Koellreutter Educador: O humano como objetivo da educação musical – Teca Alencar de Brito
  • O Ouvido Pensante – Murray Schafer
  • O ensino de música na escola fundamental – Alícia Maria Almeida Loureiro

Esses livros são muito, muito legais! Depois vou fazer uns reviews sobre eles. Mas depois que passar o vestibular, sabem como é. Não quero ajudar meus concorrentes, desculpaí! Gente, imagina só se algum deles procura no google e chega aqui? SAI QUE A VAGA É MINHA! XÔ, XÔ!!

Então é isso aí, tô estudando bastante… Pra quem acompanhava meu pseudo-vlog, talvez amanhã eu grave uma continuação mostrando minha batalha com a música que vou tocar na prova. Tá quase pronta.

E domingo tem o show do X Japan, então certeza que segunda tem um post de review.

Até mais!

Quarto
Minhas datas de provas…

Posts relacionados:


9 Responses to E o vestibular se aproxima

  1. Olá Patricia!!
    Ja acompanho o seu blog a um tempo!! E sim, ele anda esquecido, mas eu entendo estudar para vestibular é muito tenso!!
    Mas só venho aqui te encher o saco … pq … assim ….. ¬¬
    Faço licenciatura em musica … e estou no terceiro ano de facu já!! (ja esta acabando … nãaaao!!!)
    Mas Pq vc não prestar na UFCar? Em? Alguma coisa contra? ¬¬
    A Federal é mais Legal!! XD

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *