Michael Jackson, o rei do pop

E aí, pessoal?

É claro que num blog musical não podia faltar um post sobre o Michael Jackson, ainda que um pouco atrasado. Independente de gostarem ou não dele como pessoa, de acharem que ele era um maluco etc… O talento dele e a sua contribuição para a música são inegáveis e eternos.

Não que eu fosse uma grande fã e tenha um monte de músicas dele no ipod, mas ouço as músicas e me vem uma grande nostalgia, tipo “Nossa, eu já ouvi essa música! Ah, eu conheço essa também…”. E não tem como ver os shows dele e não ficar de boca aberta com as coreografias!

Nesta minha pequena homenagem, então, vou postar um resumo da biografia dele, retirada da Wikipedia, falar umas palavrinhas sobre o game dele e colocar sugestões de músicas pra vocês ouvirem.

Breve biografia

Michael Joseph Jackson foi um cantor, compositor, ator, dançarino, publicitário, escritor, produtor, poeta, instrumentista, estilista e empresário dos Estados Unidos.

Começou a cantar e a dançar aos cinco anos de idade, iniciando-se na carreira profissional aos onze anos como vocalista dos Jackson 5; começou logo depois uma carreira solo em 1971, permanecendo como membro do grupo. Apelidado nos anos seguintes de King of Pop (“rei do pop”), cinco de seus álbuns de estúdio se tornaram os mais vendidos mundialmente de todos os tempos, sendo um deles Thriller, o álbum mais vendido de toda a história.

Foi o criador de um estilo totalmente novo de dança, utilizando especialmente os pés. Com suas performances no palco e clipes, Jackson popularizou uma série de complexas técnicas de dança, como o Robot e o Moonwalk. Seu estilo diferente e único de cantar, bem como a sonoridade de suas canções influenciaram uma série de artistas nos ramos do hip hop, dance e R&B.;

Um dos poucos artistas a entrarem duas vezes ao Rock And Roll Hall of Fame, seus outros prêmios incluem uma série de recordes certificados pelo Guinness World Records, dezenove Grammys em carreira solo e seis Grammys com The Jacksons e 41 canções a chegar ao topo das paradas como cantor solo – e vendas que superam as 750 milhões de unidades mundialmente, sendo que alguns empresários da Sony já registram a incrível marca de mais de 1 bilhão.

Sua vida, constantemente nos jornais, somada à sua carreira de sucesso como rock superstar fez dele parte da história da música rock e cultura popular por mais de quatro décadas. Nos últimos anos, foi citado como a personalidade mais conhecida mundialmente.

Moonwalker – O game

Sim, MJ tem um game! É o Michael Jackson’s Moonwalker, lançado para MegaDrive (ou Sega Genesis) em 1990, baseado no filme de mesmo nome. Nesse jogo você tem que resgatar criancinhas. A trilha sonora é constituída por músicas do cantor, obviamente, e você pode fazer os inimigos dançarem com você! Você também pode ser atingido por uma estrela cadente e virar o Mecha Jackson. (…hein?)

Mas o game é bom? Vou deixar que o Angry Video Game Nerd responda a essa pergunta. :D Pra quem não o conhece, ele é um nerd que faz video-reviews de games clássicos e ruins. Os vídeos são muito divertidos! Recomendo muitíssimo que vocês vejam o review que ele fez do Moonwalk. Está em inglês e não tem legenda, mas não é difícil de entender.


http://youtu.be/zk1C0AhshtU

Sugestões de músicas

Bônus

Um cover com uma dupla de violoncelos que eu amo!


http://youtu.be/jjOQac1vOEc

Bom, é isso aí. Até a próxima!

No related posts.


5 Responses to Michael Jackson, o rei do pop

  1. Eu gostava bastante das múscias do Michael! Como vc mesmo disse, vamos levar em conta apenas sua vida profissional… A carreira dele foi memorável! Tanto pessoas mais antigas quanto mais novas conhecem seus passos e suas danças! Eu fico maravilhado até hj de ver as coreografias! o cara era muito bom no que fazia, é fato! O mundo perdeu um artista inigualável. MInha música preferida é Smooth Criminal ^^'

  2. Eu não era mega fã do Michael, mas como artista sempre achei ele um gênio! Ele criou novas formas de cantar, interpretar e dançar. Definitivamente foi uma grande perda…R.I.PChes:Adoooooreeeeei seu gatinho *-*

  3. Pingback: Um ano de blog | Nocturne in the Moonlight

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *